ISSN 2359-4705

CHAMADA | BUSCA E OUTRAS EDIÇÕES


D’água-palavra – ao percurso imagético de narrativas orais em Salvaterra-Pa

Título: D’água-palavra – ao percurso imagético de narrativas orais em Salvaterra-Pa


 

Artista: Camila Aranha, mestranda da Universidade do Estado do Rio (UERJ).


 

Resumo: Este trabalho é parte do resultado do projeto “D’água-palavra – ao percurso imagético de narrativas orais em Salvaterra-Pa”, coordenado pela mestre em “Linguagens e saberes da Amazônia”, Lanna Lima. O município de Salvaterra, localizado na maior ilha de águas fluviomarinhas do mundo – constituiu o território afetivo, e até econômico – em intenso diálogo com os rios que o permeia. O que constituiu um universo cultural rico em histórias, imagens, valores e sentidos compartilhados que dão bases à relação de sustentabilidade entre seus homens-peixe e as águas. Esse projeto produziu  experimentações em fotografia analógica, tanto no ato fotográfico quanto no processo de revelação, tendo como base a investigação de narrativas contadas pelos guardiões de sua memória, senhores e senhoras nascidos e criados no local. As fotografias narram os rastros dessas histórias, o rastro da experiência, em busca de imagens que dialoguem com o sentido de pertença, mudanças socioambientais e sustentabilidade desses moradores na Amazônia.