ISSN 2359-4705

CHAMADA | OUTRAS EDIÇÕES | ENGLISH


VI Reunião de Antropologia da Ciência e da Tecnologia tem inscrições abertas

reactINSCRIÇÕES PRORROGADAS ATÉ DIA 18 DE DEZEMBRO DE 2016!

Com o tema “Entreviver” a VI Reunião de Antropologia da Ciência e da Tecnologia (ReACT) abre inscrições até 15 de dezembro para trabalhos nos vários Seminários Temáticos propostos. Alguns deles, inclusive, abrem diálogos diretos com temas e problemas que têm sido tratados pelas ClimaCom. Por exemplo, “A ecologia política das paisagens mais-que-humanas: etnografias, engajamentos e práticas de conhecimento”; “Mudanças Climáticas: Conhecimentos, Políticas e Intervenções” e “Aliar-se às nuvens para que o céu não caia”. O evento acontecerá ano que vem em São Paulo, entre os dias 16 e 19 de maio de 2017, e é promovido pelo Instituto de Estudos Brasileiros (IEB) da Universidade de São Paulo (USP), e pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP).

Veja a lista completa dos Seminários temáticos propostos e submeta o quanto antes seu resumo!

Leia outras informações sobre a ReACT:

“A ReACT é resultado da articulação, no cenário brasileiro das últimas décadas, entre diversos grupos de pesquisa relacionados à Antropologia da Ciência e da Tecnologia. Os simpósios, realizados a cada dois anos, têm como intuito promover um intenso e reflexivo debate, que discuta o potencial e as contribuições da Antropologia na construção de perspectivas acerca das ciências/conhecimentos/saberes, das tecnologias/técnicas/inovações, e das relações entre estas e as formas de constituição da vida e do futuro. O evento, desde suas edições anteriores, tem se convertido em um importante fórum de discussão sobre pesquisas, objetos, abordagens e perspectivas teóricas/epistemológicas do campo da Antropologia da Ciência e da Tecnologia (ACT), em interface com outras matrizes disciplinares e campos de atuação.

A VI ReACT tem como proposta promover diálogos e vivências entre distintos agentes implicados na produção de mundos e realidades tecnocientificamente mediados. Para tanto, o evento buscará problematizar as relação entre ciência, tecnologia, natureza, vida, e futuro, bem como os modos de ver, definir e intervir em um mundo tecnocientificamente constituído”.

→ Acessar link externo